terça-feira, 3 de maio de 2016

3/05/16

Voltei nesse blog hoje procurando algumas lembranças do passado e acabei ficando com vontade de escrever. Mas escrever sobre o que? Ainda estou me perguntando, mas resolvi deixar rolar. Podia escrever sobre as últimas desventuras amorosas, ou sobre reviravoltas que a minha vida deu desde a ultima vez que publiquei algo aqui.
Mudei de cidade, larguei minha profissão, e estou começando de novo.
Não foi uma decisão fácil. Muitíssimo pelo contrário. Aquela sensação de ser uma perdedora, uma ingrata (já que meu pai me pagou a faculdade). Mas cheguei a conclusão que perdedora mesmo eu seria se não tentasse de novo.
Resolvi sair do ninho então, mais uma vez. Claro que a última desilusão amorosa ajudou na decisão de mudar de idade. Morar numa cidade pequena onde todos conheciam se ex tava muito chato. Cheguei aqui no início do ano passado pra morar com uma tia, trabalhar em casa com uma prima e fazer um curso de confeitaria. A sociedade com a prima não deu lá muito certo, e acabei saindo, o curso foi muito bom e me deixou com vontade de fazer mais cursos na área de culinária e recentemente saí da casa da minha tia e vim morar sozinha.
Trabalhei em dois empregos por três meses, aproximadamente 12-13h por dia, mas agora que minha casa já está quase do jeito que eu quero, resolvi sair de um e fazer uma outra faculdade. Se tudo der certo, em agosto estarei cursando gastronomia. Inclusive ando preocupada, já que pra entrar na faculdade vou ter que escrever um texto, isso significa algo com mais de 140 caracteres, e eu achava que não conseguia mais fazer isso. Bom, esse texto não ficou nenhuma maravilha da literatura moderna, mas já é um começo. Vou praticar mais.